Fortaleza está entre as cidades mais perigosas para os adolescentes do Brasil

São Paulo - No sul da Bahia, a cidade de Itabuna é a mais perigosa para os adolescentes. De acordo com projeção feita pelo Observatório de Favelas em parceria com o governo federal, de cada mil itabunenses com 12 anos em 2012, 17 podem ser vítimas de homicídio até os 19 anos de idade.

O índice é cinco vezes maior do que a média nacional. No país, a expectativa é que, de cada mil adolescentes, 3,3 não alcancem a maioridade por causa da violência urbana.


Na prática, segundo o estudo, o Nordeste abriga as piores taxas do país. Das 20 cidades mais violentas para jovens, 11 estão na região. Em média, de cada mil jovens nordestinos com 12 anos, 5,97 não devem chegar aos 19 anos, de acordo com a projeção.


No Centro-Oeste e no Norte, as taxas também são superiores à média nacional - respectivamente 3,74 e 3.52. No Sul do país, o IHA chegou a 2,44 por mil jovens, enquanto no Sudeste a taxa atingiu 2,25.


O estudo estima que 42 mil adolescentes devem ser mortos nos próximos anos nas cidades com mais de 100 mil habitantes. Por se tratar de um problema ligado àviolência urbana, o número de assassinatos de adolescentes tende a aumentar conforme o tamanho da população. Por isso, o ranking avalia apenas cidades com mais de 200 mil habitantes.


Para chegar à lista das cidades mais violentas para os adolescentes, o Observatório das Favelas criou o Índice de Homicídios na Adolescência (IHA), que mensura o risco de um jovem ser morto entre os 12 e os 18 anos de idade.


O levantamento foi elaborado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), Observatório de Favelas e Laboratório de Análise da Violência da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (LAV-UERJ).


A projeção leva em conta dados do Censo 2010, do IBGE, e o Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) do Datasus, do Ministério da Saúde.


Veja, a seguir, quais são as 20 cidades com os maiores índices de violência contra jovens.




Ranking

Cidade

Estado

Índice 2012




Itabuna

BA

17,11




Cariacica

ES

10,47




Serra

ES

9,95




Fortaleza

CE

9,92




Camaçari

BA

9,82




Maceió

AL

9,37




Maracanaú

CE

8,81




Vitória da Conquista

BA

8,7




Salvador

BA

8,32


10º

Vila Velha

ES

8,22


11º

Governador Valadares

MG

7,35


12º

Parnamirim

RN

6,81


13º

Feira de Santana

BA

6,79


14º

Arapiraca

AL

6,7


15º

Ananindeua

PA

6,62


16º

Foz do Iguaçu

PR

6,61


17º

Viamão

RS

6,49


18º

João Pessoa

PB

6,49


19º

Colombo

PR

6,43


20º

Cascavel

PR

6,42





As 50 cidades mais violentas do mundo - 19 delas no Brasil


Teresina, Porto Alegre e Curitiba são as três cidades do país que estrearam na lista das mais violentas deste ano
































































































































































PróximasAnteriores


1/52Getty Images




24/01/2015 14:27


Tela cheia


Violência urbana


São Paulo - A lista das 50 cidades maisviolentas do mundo, da ONG Conselho Cidadão pela Seguridade Social Pública e Justiça Penal, do México, é liderada pela hondurenha San Pedro Sula.


A cidade, que tem uma taxa dehomicídios de 171,20 para cada 100.000 habitantes, encabeça o ranking pelo quarto ano consecutivo.


No entanto, o que mais preocupa é o aumento das cidades brasileiras entre as 50 mais violentas do mundo. São 19 as brasileiras, incluindo as estreantes Teresina, Porto Alegre e Curitiba.


Veja o ranking nas fotos.
Share on Google Plus

About correio gospel

0 comentários:

Postar um comentário