Ed Motta ofende brasileiros e deixa todos revoltados

Cantor está em turnê internacional e avisou que
não quer saber de turista brasileiro gritando em português durante suas apresentações Ed Motta não quer saber da "comunidade brasileira" gritando e pedindo para tocar Manuel em seus shows.

Em seu Facebook, o cantor, que é carioca e sobrinho de uma das vozes mais populares do País, Tim Maia, esbravejou contra essa "turma mais simplória que nunca me acompanhou no Brasil, público de sertanejo, axé, pagode, que vem beber cerveja barata com camiseta apertada tipo jogador de futebol, com aquele relógio branco, e começa gritar nome de time" e causou revolta - e piadas - em toda a internet.

Em seu post, Ed escreve um longo manifesto, ao qual chama de "texto infame" no final, deixando claro que não fala português em sua turnê europeia. "Preciso me comunicar de forma que todos compreendam, o inglês é a língua universal, então pelo amor de Deus, não venha com um grupo de brasuca berrando 'Manuel' porque não tem, e muito menos gritar 'fala português Ed'... o mundo inteiro fala inglês, não é possível que o imigrante brasileiro não saiba um básico de inglês", reclamou.

Motta, inclusive, classificou seu público brasileiro na Europa como "mais culto e refinado". "Verdade seja dita, que meu público brasileiro de verdade na Europa, é um pessoal mais culto, informado, essas pessoas nunca gritaram nada", opinou.

Após a publicação, uma série de comentários críticos e bem humorados tomaram a página do músico. Alguns deles provocaram o cantor lembrando de alguns trabalhos feitos por ele no passado. Informações Terra
Share on Google Plus

About Correio Gospel

0 comentários:

Postar um comentário