Garoto tropeça durante visita a museu e danifica quadro de US$ 1,5 milhão; veja vídeo


Um menino de 12 anos, que caminhava junto com outras pessoas em visita ao museu Taipei, na capital de Taiwan, sem perceber que um quadro avaliado em US$ 1,5 milhão estava à sua frente, tropeçou e danificou a peça. De acordo com o organizador da exposição, o acidente, que aconteceu no ultimo final de semana, deixou um buraco na tela.
No entanto, o quadro voltou a ser exibido na capital de Taiwan nesta terça-feira, 25, depois de ser restaurado em razão dos danos provocados pelo menino.

"Tínhamos um especialista italiano por perto e imediatamente contatamos o colecionador", disse Sun. "Decidimos reparar a pintura imediatamente no local e ela já está de volta à mostra.
"Foi um acidente tão raro", disse David Sun, principal organizador da mostra, sobre o ocorrido no final de semana. "O menino estava ouvindo o guia e não estava olhando para onde ia. Tropeçou e abriu um buraco na obra de arte."
DIVULGAÇÃO

Apesar do susto, Sun afirmou que o menino e sua família lamentam o ocorrido, e que não serão responsabilizados.
Um autorretrato do próprio Da Vinci, avaliado em cerca de 200 milhões de euros, também integra a exposição.
O quadro
Também em 2006, mas nos Estados Unidos, o magnata Steve Wynn danificou com uma cotovelada uma tela de Picasso no valor de US$ 139 milhões (122 milhões de euros) que acabara de vender.
Outros acidentes milionários
Em 2006, em Cambridge, Inglaterra, um visitante britânico quebrou vasos chineses de 300 anos de idade, quando tropeçou ao pisar no cadarço de seus sapatos.
Também em 2006, mas nos Estados Unidos, o magnata Steve Wynn danificou com uma cotovelada uma tela de Picasso no valor de US$ 139 milhões (122 milhões de euros) que acabara de vender.
Veja vídeo
Redação O POVO Online
Share on Google Plus

About correio gospel

0 comentários:

Postar um comentário