Menino de Dois Anos levado Por Jacaré de resort da Disney

Uma criança de dois anos desapareceu nesta terça (14) depois de ser arrastada por um jacaré para dentro de um lago que faz parte do complexo de atrações da Disney World em Orlando, na Flórida (EUA).

Segundo a polícia local, o menino foi levado pelo animal por volta de 21h30 (22h30 em Brasília) durante um evento no resort Grand Floridian, que fica próximo do Magic Kingdom, o principal parque da Disney e um dos mais populares de Orlando.

Depois de horas de buscas, a criança ainda não havia sido encontrada. De acordo com o jornal "Orlando Sentinel", o garoto sumiu num lago artificial que fica em frente ao parque, após ser arrastado pelo jacaré

Mais de 50 elementos das forças de segurança, conjuntamente com um rastreador de jacarés e duas unidades marítimas foram destacados para as operações de busca

A criança encontrava-se à entrada de uma lagoa com a família, num empreendimento de luxo da Disney na Florida esta terça-feira à noite, quando foi atacada

“A triste realidade é que passaram várias horas e provavelmente nós não iremos recuperar o corpo com vida”, afirmou o xerife Jerry Demings numa conferência de imprensa sobre as buscas pelo menino de dois anos que foi atacado por um jacaré esta terça-feira à noite, quando se encontrava com a família à entrada de uma lagoa junto a um resort de luxo da Disney, próximo de Orlando, estado norte-americano da Florida.

A família de cinco pessoas do Nebraska encontrava-se a usufruir da praia da lagoa dos Sete Mares, situada junto ao Grand Floridian Resort & Spa da Disney. O menino estava com o pai a banhar-se, à entrada da lagoa, quando foi atacado pelo jacaré com entre um a dois metros de comprimento. O pai avançou pela água e tentou sem sucesso agarrar o seu filho que estava a ser levado pelo animal.

“Toda a gente aqui no Walt Disney Resort está devastada com este trágico acidente”, afirmou Jacquee Wahler, vice-presidente da Walt Disney World Resort. “Os nossos pensamentos estão com a família. Estamos a ajudá-los e a fazer tudo o que podemos para apoiar os agentes da lei”, acrescentou.

Na zona em que ocorreu o trágico incidente existem placas a indicar ser “proibido tomar banho”. Os responsáveis da Disney referiram que estavam a par da existência de jacarés na propriedade, mas que não há registos de anteriores casos deste género.

Share on Google Plus

About Correio Gospel

0 comentários:

Postar um comentário