Imãs querem versão islâmica da Peppa Pig


Peppa Pig é um desenho animado de enorme sucesso, sendo exibido em 180 países. Como porcos são animais considerados imundos pelo Alcorão, líderes islâmicos da Austrália estão levantando fundos para a produção de um competidor “a altura”.
A animação Barakah Hills seria o ideal, segundo o sheik Shady Alsuleiman, chefe do Conselho Nacional de Imãs Australianos. Ele está pedindo doações para que sejam produzidos mais  desenhos animados que ensinam “valores islâmicos” para as crianças.
Com sede em Sidney, a produtora One4kids já produz animações que contam histórias da tradição muçulmana, bem como programas educativos que ensinam crianças a falar árabe, fazer orações e mostram a vida dos profetas mencionados no Alcorão.
“O objetivo principal do novo programa é mostrar às crianças como é ser um muçulmano praticante e um bom cidadão em sua comunidade”, explicou a companhia em comunicado.
Para o sheik Alsuleiman, os seguidores do Islã não devem proibir seus filhos de ver desenhos animados ocidentais, mas deveriam “oferecer-lhes uma outra alternativa”.
Para o produtor da One4Kids, Subhi Alshaik, Peppa Pig nem sempre ensina coisas boas para as crianças, mas não quis condenar o programa. Ele ajudou a criar Barakah Hills, nome da cidade islâmica fictícia onde vive a família Abdullah, os personagens principais.
“Pensamos que deveríamos produzir algo que mostra a vida cotidiana dos muçulmanos”, explica.
Com uma campanha on-line em andamento, eles pretendem iniciar logo a produção dos primeiros episódios, que serão falados em inglês para atrair empresas de TV a cabo não islâmicas que desejem exibir a programação. Com informações RT
Share on Google Plus

About Correio Gospel

0 comentários:

Postar um comentário